Quem somos
 
Marcia Lepage

Arte que se usa

Uma artista contemporânea, que vive a intensidade do seu tempo na busca da plástica e da forma que melhor traduzam seu modo de ver, pensar e sentir o mundo. Assim é a paulistana Marcia Lepage, do ateliê Lepage Verre, que escolheu o vidro como matéria prima para manifestar sua criação de peças utilitárias com visual lúdico. "Acho que é minha tendência criar peças com toque lúdico. Adoro cartoons, coisas engraçadas e levo essas informações para o trabalho que desenvolvo", revela.

Formada em Desenho Industrial, pela FAAP, Marcia trabalhou com direção de arte em agências de propaganda, com comunicação visual e foi, ainda, estilista e vitrinista antes de se apaixonar pela criação em vidro. Foi aluna de Fábio Mráz e Elvira Schuartz, grandes incentivadores de seu talento. Daí não parou mais até a abertura, em 1999, do ateliê que leva seu nome, em parceria com a irmã, a fotógrafa Renata Lepage.

O trabalho de Márcia reflete as influências recebidas ainda na infância, na convivência com pais arquitetos e avó, pintora, de tendências vanguardistas. Sempre utilizando o vidro como base, valorizando as transparências, que ela considera a característica mais bonita do material, a artista trabalha de forma artesanal. Cada peça é única. Resultado sempre de muita experimentação.

"Procuro fazer peças que estimulem a curiosidade das pessoas, que sejam lúdicas, modernas e funcionais. Sempre misturo materiais compatíveis para criar objetos com ares contemporâneos. E que tenham humor, talvez, minha característica mais evidente".

Marcia trabalha para um público que valoriza o design assinado, que prefere peças feitas sob encomenda e projetos individuais diferenciados. São clientes do Brasil e exterior. As vendas são feitas durante a feira Craft Design, com mostruário de peças ao vivo. Por meio do site, que possui um catálogo com as informações e fotos dos objetos. Ou, ainda, em seu charmoso ateliê no bairro paulistano do Campo Belo.

Para a 17ª Craft Design, que acontece em agosto, Marcia Lepage está em alta produção, inspirada por cursos de história da arte e exposições que vem acompanhando na capital paulista.